Blanche de Namur

Brasserie Du Bocq (Cerveja)

Produto não disponível em Brasil

$45.54 + $9.77 Envio (9 dias)

$1.90/unidade

Vendido em embalagens de 24 unidades

Envio: CervezuS (Espanha)

$ Recebes 0.53 pontos por cada unidade comprada

Brasserie Du Bocq produz esta Blanche de Namur ($45.54), uma cerveja de trigo produzida em Bélgica e com fermentação alta conta com 4º de ABV. A comunidade Drinks&Co classifica a Blanche de Namur com 4 pontos em 5.

Ficha técnica · Blanche de Namur

Categoria:Cerveja
Produtor: Brasserie Du Bocq
Volume: 330ml
Teor Alcoólico : 4
Fermentação: Fermentação Alta
Tipo De Cerveja: De Trigo
País: Bélgica

Descrição · Brasserie Du Bocq

Blanche de Namur

NOTAS DE PROVA:

  • Cor: Blanche de Namur é Cor: amarelo claro. Espuma: branca e fina
  • Sabor: Sabor: leve e refrescante cerveja.

PRODUTOR: Blanche de Namur

ÁLCOOL: 4%

Brasserie Du Bocq

Comprar Brasserie Du Bocq Cerveja:

Comentários

Opinião destacada sobre Blanche de Namur

Publicado em às 10.00

4/5

Blanche de Namur

O Blanche de Namur é uma cerveja belga produzida pela Brasserie du Bocq, famoso não só por esta magnífica blanche, por sua Saison Dupont Vielle Reserve, uma das minhas cervejas sazonais favoritas.
 
No primeiro gosto do Blanche de Namur olha e cheira fresco pouco densa, mas delicado, a segunda fermentação na garrafa não se destacam como os cheiros de especiarias em outros produtos, que são sempre sabores amargo de citrinos muito doce e bem equilibrada.
 
Após a degustação, certamente afectar a boa capacidade desse cerveja refrescante, que, apesar de uma temperatura de serviço ideal bastante alta em torno de 11 ° C, tornando-se uma nova e facilmente potável. O de Namur é Blanche fabricada com malte de cevada e trigo crua, sua picante e frutado são dados sobre a utilização de coentro e Curaçao, durante a produção.
 
Quanto servindo sugestões, eu sou excelente com doces, biscoitos ou bolos, tais como torta de doce ou clássico bensone Modena, devido à sua estrutura e suas notas de citrinos, acho que é apenas se adapte bolos e cremes fortemente pelúcia.
Olha quase branco pela levedura em suspensão, com a efervescência moderado e agradável e uma multa mousse, impacto ricamente evocativa cheiro coentro picante macio e copioso, cominho, continua com notas de frutas e cítricos curaçau

Mais opniões sobre Blanche de Namur

Publicado em às 05.12

4 /5

O branco de Namur é a cerveja carro-chefe da cervejaria belga Du Bocq. Fabricada com malte de cevada e trigo, aromatizada com coentro e casca de laranja, que representa perfeitamente a cerveja branca estilo desenvolvido por cervejarias da Bélgica. Esta é também por isso que foi eleita a melhor cerveja de trigo do mundo nas Cerveja World Awards. A competição inclui uma ampla seleção de cervejas de todo o mundo e reúne os melhores especialistas no mundo da cerveja para decidir entre os concorrentes. Historicamente, o termo pale ale cervejas nomeados incluindo malte incluiu uma proporção significativa de trigo, que dá à cerveja, uma cor leitosa nublado. Por esta razão, apesar de seu nome Branco, Blanche de Namur desenvolve no vidro um vestido loira e um pouco perturbado. Ele destila aromas Hoppy e picantes evocando limão, laranja e coentro. O sabor é semelhante à da casca de laranja. Dá uma impressão na boca de frescura associada a uma amargura significativa e persistente. Ligeiramente ácido, oferece os sabores paladar de frutas e especiarias. Brewery: Brasserie Du Bocq é uma cervejaria familiar na Bélgica, que está em operação desde 1858 e atualmente emprega quarenta pessoas e fabrica cerca de 66.000 hectolitros.

Publicado em às 05.03

4 /5

Brewery Bocq foi fundada em 1858 por Martin Belot - ainda é 100% família. Este é um dos Cervejaria belga tradicional mais importante. Blanche de Namur é uma cerveja de trigo com sabores cítricos você desfrutar com sua fatia de laranja durante suas noites de verão.

Resumo das pontuações

(3 opiniões)
  • 5 estrelas
    0
  • 4 estrelas
    3
  • 3 estrelas
    0
  • 2 estrelas
    0
  • 1 estrela
    0
sua pontuação:
Pontuação Drinks&Co:

4/5

Baseado em 3 comentários »